Château du Clos Lucé Château du Clos Lucé Chambre de Léonard de Vinci Jardin des marais Château du Clos Lucé Château du Clos Lucé Château du Clos Lucé 500 ème anniversaire
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE
CASTELO DE CLOS LUCE

Um lugar, uma história

Ocastelo de tijolos rosas e de tufa calcária foi construído sobre fundações galo-romanas durante o reino de Luís XI e tornou-se propriedade de um favorito do rei, Etienne-le-Loup, antigo ajudante de cozinha. Terminado em 1490 por Carlos VIII, a residência recebeu uma capela ao lado da ala oeste, oferecendo assim um oratório a Ana de Bretanha, a jovem esposa do rei Carlos VIII.

Um convidado de peso

Leonardo da Vinci chegou ao Solar du Cloux (atual Castelo do Clos Lucé) em 1516 depois de atravessar os Alpes. Ele trouxe três de suas principais obras, expostas hoje no Louvre: a Mona Lisa, A Virgem e o Menino com Santa Ana e São João Batista, bem como todos os seus cadernos e manuscritos, reunidos em códices.

Após seguidos anos de itinerância, Leonardo da Vinci se muda para o Castelo do Clos Lucé, sua primeira e única residência pessoal. Francisco I o recebe neste local com estas palavras: "você terá liberdade para pensar, sonhar e trabalhar".

Ele vive ali os três últimos anos de sua vida, pintando e trabalhando até o dia 2 de maio de 1519, dia em que faleceu em seu quarto.

To find out more about the Château of Clos Lucé >>